segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Empresário denuncia fraudes e Carnaval de Apodi poderá ser cancelado


Empresário no momento da denúncia


Na tarde desta segunda-feira 22/01/18 o Empresário do ramo de eventos Carlos Roberto Ferdebês após participar de uma licitação pela manhã, seguiu ao Ministério Público ao sentir-se prejudicado, alegando diversas irregularidades praticadas pelo governo do então Prefeito Alan Silveira:

“Um jogo de cartas marcadas para favorecimento de uma empresa local”, disse o empresário.

Ao todo foram levantados cerca de 15 fatos graves que podem evidenciar uma clara fraude para beneficiar determinada pessoa, violando as leis vigentes acerca da licitação, bem como os princípios constitucionais da administração pública.

O fato é que, se comprovadas a irregularidades, o Carnaval 2018 em Apodi está em risco quanto a sua realização.

Nenhum comentário:

Postar um comentário