sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Procon RN faz mais de 200 atendimentos durante a madrugada Black Friday



O procon Estadual do Rio Grande do Norte registrou mais de 200 atendimentos desde a madrugada até o início da manhã desta sexta-feira (24), em Natal. Na maioria dos casos, porém, os consumidores apenas tiraram dúvidas com os fiscais, ou queriam resolver pequenos conflitos, como diferença entre valores anunciados e os que estavam no caixa de hipermercados que abriram desde à meia-noite na capital potiguar.

De acordo com Cyrus Benavides, diretor do órgão, cerca de 35 empresas potiguares foram notificadas oficialmente a adequar propagandas ou preços de produtos, desde a última segunda-feira (20), quando começou a operação do Procon no combate aos falsos descontos e maquiagem de preços na Black Friday. Ao todo, 10 equipes de fiscais estão espalhadas pela cidade, visitando comércio de rua, shoppings, hipermercados e atacadistas.

"Nós somos favoráveis à Black Friday e ao movimento positivo que ela causa no comércio, mas o consumidor deve estar atento às propagandas. Temos casos, por exemplo, em que a publicidade diz que toda a loja está em promoção, mas nas letras pequenas é apenas uma prateleira específica", ressalta.

Em um caso, uma bebida tinha um valor no encarte, mas estava mais cara no caixa do supermercado. O consumidor percebeu na hora do pagamento. O diretor afirmou que outra empresa publicou um encarte com 30 produtos em promoção, porém os fiscais não encontraram nenhum deles na prateleira da loja.

"Não é que tinha vendido muito. É porque a loja apenas colocou como atrativo e disponibilizou uma quantidade muito pequena, incompatível com o próprio tamanho do estabelecimento e quantidade de clientes", explicou. A empresa foi notificada a disponibilizar produtos similares pelo mesmo valor e cumpriu. Ela também teve que informar, na entrada da loja, a lista de produtos que estavam indisponíveis.

O procon disponibilizou o número 151para denúncias. Nesta sexta, elas também podem ser feitas pelo Whatsapp (84) 99991-2003.

Nenhum comentário:

Postar um comentário